Gerenciamento de Processos de Negócio (Business Process Management - BPM)

Segundo o BPM CBOK[1], o "Gerenciamento de Processos de Negócio" é definido como:
"...uma abordagem disciplinada para identificar, desenhar, executar, documentar, medir, monitorar, controlar e melhorar processos de negócio automatizados ou não para alcançar os resultados pretendidos consistentes e alinhados com as metas estratégicas de uma organização."

O Gerenciamento de Processos de Negócio pode ser entendido então como uma técnica de evolução dos processos de negócio de uma organização alinhada aos seus objetivos estratégicos.

Como uma disciplina, alia gerenciamento de processos à tecnologia, se apoiando nesta para medir o desempenho dos processos e apresentar indicadores direcionadores definidos estrategicamente com forma de traduzir resultados de ações em metas organizacionais.

Dentro do conceito de cadeia de valor, conforme definido por Michael Porter, os processos de uma organização são classificados como: Processos Primários, ou de Négócio, que resultam diretamente na transformação de insumos em produtos ou serviços para clientes; Processos de Suporte, ou Infra-estrutura, que produzem produtos ou serviços intermediários essenciais ao suprimento dos processos de negócio; e os Processos de Controle e Gestão, que coordenam e possibilitam a execução de todos os processos.

O Gerenciamento de Processos de Negócio têm seu foco justamente nos processos onde há a transformação de insumos em produtos ou serviços com valor agregado ao cliente, onde esses processos permeiam toda a organização, de ponta-a-ponta.

O Gerenciamento de Processos de Negócio introduz então o conceito de uma organização baseada em processos descrevendo novos papéis e responsabilidades às estruturas funcionais tradicionais e uma vez que um dos seus fatores críticos é a medição de desempenho, precisa ser fortemente apoiada em tecnologia (ferramentas e sistemas) que facilitam a coleta das informações e apresentação dos indicadores.

Ciclo de Vida BPM
Com base nas medições de desempenho, o Gerenciamento de Processos de Negócio preconiza um ciclo de melhoria contínua, seguindo a clássica definição PDCA (Plan, Do, Control and Act - Planejar, Executar, Controlar e Agir), conforme abaixo:
CiclodevidaBPM.jpg
  1. Processo de Planejamento e Estratégia, onde são definidas a estratégia, as metas organizacionais, os papéis, as responsabilidades e as metodologias adotadas;
  2. Análise de Processos de Negócio, onde os processos como estão ("as is") são entendidos, medidos e analisados de acordo com a estratégia definida;
  3. Desenho e Modelagem de Processos de Negócio, onde é feito o desenho de como os processos devem ser ("to be") e feito o planejamento da mudança dos processos;
  4. Implementação de Processos, onde é implementada a mudança dos processos;
  5. Monitoramento e Controle de Processos, onde os indicadores dos processos são coletados e trabalhados visando o atingimento das metas estabelecidas
  6. Refinamento de Processos, onde é feito o ajuste fino dos processos visando melhoria do desempenho. Essa etapa também fornece insumos para o planejamento de um novo ciclo.

[1] ABPMP, Guia para Gerenciamento de Processos de Negócio - Corpo Comum de Conhecimentos (BPM CBOK). Versão 2.0, primeira liberação em português.